Esta é a data preferida de muitos românticos, alguns não conseguem nem esperar o dia chegar e começam as comemorações e declarações dias antes. Outras pessoas e casais não ligam muito para a data e preferem não comemorar. Alguns solteiros aproveitam para reunir os amigos, outros não dão qualquer importância para a data e outros ainda sofrem bastante, às vezes se recordando de um relacionamento que já acabou, às vezes se aprofundando em uma sensação de carência.

Então, cada pessoa desenvolve um tipo de relação diferente com essa data, mas hoje uma coisa nos une: dia dos namorados na quarentena é novidade para todo mundo.

Os desafios da quarentena na relação amorosa também são diversos. Os namorados enfrentam o desafio do relacionamento à distância e da saudade. Os casais que moram juntos, que antes saíam para trabalhar durante a semana e tinham uma convivência mais intensa apenas nos finais de semana, enfrentam o desafio da convivência incessante. Os casais que têm filhos enfrentam, além deste último desafio, outros adicionais com o gerenciamento da rotina e eventuais conflitos dos filhos, que demandam tempo e espaço dos pais.

Será que, em meio a tantas demandas emocionais e tudo que estamos vivendo neste momento, sobra algum tempo e energia para o romance?

Alguns casais se surpreenderam com o efeito da quarentena no relacionamento, percebendo que ficaram mais próximos e a parceria se fortaleceu. Bem-afortunados! Porém, grande parte dos casais está tentando equilibrar todos os pratinhos como malabaristas para dar conta de todos os desafios do momento. 

Então talvez o dia dos namorados seja a oportunidade perfeita para resgatar o romance e reacender a chama da intimidade. E é importante destacar que intimidade não se restringe a sexo. Intimidade também é ficar abraçadinho, olhar nos olhos, se conectar de maneira profunda.

Vocês podem tirar um tempinho só para vocês, para se conectarem um ao outro e se desconectarem do mundo. Esquecer um pouco que estamos em quarentena e se lembrar do que um ama no outro. E podem talvez ousar um pouco mais: que tal um encontro romântico sem sair de casa? Uma noite especial, só de vocês!

Nessa direção, como em qualquer encontro, é interessante marcar data e horário, assim vocês garantem o formato de “encontro” e também podem fazer os preparativos para não faltar nada. Que tal um menu especial com entrada, prato principal, sobremesa e a bebida preferida de vocês? E não se esqueçam da ambientação, ela é importante para trazer o clima de romance e pode quebrar a rotina: mudar móveis ou a mesa de lugar, apostar em uma iluminação indireta com uma luminária ou velas, aromas… usem a criatividade e o que vocês gostam. O céu é o limite.

Outra sugestão para deixar o clima ainda mais romântico é preparar uma playlist caprichada. Se vocês fossem comemorar o dia dos namorados em um restaurante, não poderiam escolher a trilha sonora, não é mesmo? Pois nesta noite especial, vocês poderão ser embalados somente pelas suas músicas favoritas.

E para sair ainda mais da rotina, seguindo o protocolo normal dos encontros, essa é a oportunidade perfeita para se arrumar e caprichar no look. Uma roupa bacana, maquiagem, perfume… este é o momento!

Os namorados que estão distantes podem ter uma noite especial virtualmente. Um encontro virtual com menu especial, ambientação etc. é totalmente possível também. Vocês podem combinar até um cineminha antes, ou marcar só o cinema a dois mesmo, para assistir ao mesmo filme ao mesmo tempo, com pipoca e tudo que vocês têm direito. Não vai haver beijinho no meio do filme, mas vocês poderão comentar e falar alto à vontade, já que estão em casa e não vai haver ninguém no cinema reclamando que vocês estão conversando.

Seja como for, o dia dos namorados pode ser aproveitado para resgatar o romance, esteja ele desgastado pelos efeitos da quarentena ou não. Estamos todos sendo muito demandados emocionalmente neste momento e o amor sempre foi, é e será o melhor remédio, para tudo, sempre. Desfrutem do amor!