Um ritual cênico que une a palavra de Clarice Lispector, o teatro de Eduardo Wotzik e a música de Henryk Górecki

Estreia no Teatro dos 4, Shopping da Gávea, em Março para uma curtíssima temporada o aclamado espetáculo “Missa para Clarice – Um Espetáculo Sobre o Homem e Seu Deus”, do diretor e ator Eduardo Wotzik.

Desde sua bem-sucedida estreia no CCBB Rio de Janeiro, em fevereiro de 2016, o espetáculo vem arrebanhando plateias de todo o Brasil (Rio, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte etc), passando por mais de 19 teatros, sempre levando a palavra de Clarice Lispector aos espectadores e comovendo a todos que o assistem. Estima-se que mais de 45 mil pessoas tenham assistido à peça.

Missa Para Clarice se transformou num daqueles espetáculos necessários. Nas palavras de Domingos de Oliveira: “Um passeio pelo estado da graça” e nas palavras de Fernanda Montenegro: “Uma ideia diabolicamente extraordinária. Um espetáculo que nos põe diante de uma nova religião, de um novo processo de espiritualidade.”

A matéria prima do espetáculo é a obra de Clarice Lispector, e o público se surpreende com a forma teatral como os textos são apresentados. Como numa missa, a todo momento o público é chamado a participar. A iluminação de Fernanda Mantovani, a direção de arte de Analu Prestes, e a música de Henryk Gorecki (1933 – 2010) se juntam para transformar o espetáculo de Wotzik num ritual cênico e religioso que nos faz pensar divertidamente nossa vida.

Um encontro que medite, como quis Clarice. Nesse ambiente as personagens dão voz a trechos da vasta obra de Clarice Lispector que retratam o sagrado, a relação do homem com Deus. Enquanto o Arauto proclama sabedoria, as Beatas chamadas claricianas, distribuem um Missal que ajuda o público a seguir a missa, e recebem e o auxilia a mergulhar nas profundezas das ideias de Clarice.

Missa Para Clarice é uma missa como jamais se viu. Reflexivo e divertido, é um espetáculo comovente, onde um Arauto e duas Beatas claricianas fazem do espaço do teatro um Templo de Reflexão. “Um espetáculo popular, um culto, que fala dessa ideia inteligente que o ser humano teve de criar dois sistemas extraordinários para suportar a realidade, o sistema religioso e a arte.”, comenta Wotzik.


Local: Sala Eletroacústica – Cidade das Artes

Temporada: 3 a 26 de maio

Dias e Horários: Sextas e Sábados as 20h e Domingos 18h.

Duração: 80 minutos

Classificação Indicativa: 14 anos

Estacionamento no local.

Ficha Técnica

Autor: Clarice Lispector

Texto final, criação e direção: Eduardo Wotzik

Direção de Arte: Analu Prestes

Iluminação: Fernanda Mantovanni

Música: Henryk Górecki

Com: Cristina Rudolph, Natally do Ó e Eduardo Wotzik.

Produção Executiva e Administração: Adriana Gusmão

Direção de Produção: Michele Fontaine

Uma realização da Wotzik Produções Artísticas