Para ti: Mia Couto

//Para ti: Mia Couto


Foi para ti
que desfolhei a chuva
para ti soltei o perfume da terra
toquei no nada
e para ti foi tudo

Para ti criei todas as palavras
e todas me faltaram
no minuto em que falhei
o sabor do sempre

Para ti dei voz
às minhas mãos
abri os gomos do tempo
assaltei o mundo
e pensei que tudo estava em nós
nesse doce engano
de tudo sermos donos
sem nada termos
simplesmente porque era de noite
e não dormíamos
eu descia em teu peito
para me procurar
e antes que a escuridão
nos cingisse a cintura
ficávamos nos olhos
vivendo de um só olhar
amando de uma só vida.


Leia a entrevista exclusiva de Mia Couto para a Vênus digital aqui: Mia Couto: O semeador de Encantos

2019-01-25T12:31:23+00:00

Sobre o Autor:

Rainer Maria Rilke, Oscar Wilde, Max Ehrmann, Derek Walcott, Wislawa Szymborska, Vinicius de Moraes, Marla de Queiroz, Antonio Calloni, Isa Blue, Rosana Pétala, Paulinho Moska, Fabrício Carpinejar, Necka Ayala, Ira Etz, Eça de Queiroz, entre outros.

Deixar Um Comentário